Logo Artesp Rodovia

16/08/2017 - Artesp

Expectativa é que as obras sejam iniciadas no primeiro semestre de 2018

As obras para implantação de vias marginais na Rodovia Bento Antônio de Moraes (SP-101) poderão avançar após a publicação do Decreto de Utilidade Pública (DUP), assinado pelo governador Geraldo Alckmin. O documento, publicado no Diário Oficial do Estado nesta quarta-feira, 16, autoriza a desapropriação de uma área de 2.065,67 m², em Hortolândia.

A previsão é que as marginais sejam implantadas entre o km 11,5 ao km 13,2 e que os serviços sejam iniciados em maio de 2018 com previsão de término em março de 2019. A obra terá investimento de R$ 2,1 milhões e será realizada pela concessionária Rodovias do Tietê sob fiscalização da ARTESP. As marginais beneficiam os moradores do município com mais segurança e fluidez viária ao segregar o tráfego de longa distância do local, melhoria no acesso aos bairros e indústrias instaladas no trecho, impulsionando o desenvolvimento da região.

Investimentos na região. Na região de Campinas, 59 prefeituras foram beneficiadas com R$ 83 milhões em repasses provenientes do Imposto Sobre Serviço de Qualquer Natureza (ISS-QN), que incide sobre as tarifas de pedágio, no primeiro semestre de 2017. O ISS que incide sobre as tarifas de pedágio tem configurado importante recurso para os 262 municípios atravessados por 7,2 mil quilômetros de rodovias estaduais paulistas sob concessão. Nos últimos dez anos já foram entregues às prefeituras R$ 3,62 bilhões.

A verba proveniente do ISS-QN sobre os pedágios é significativa na composição orçamentária das administrações municipais, principalmente em pequenas cidades. Entre os municípios da região de Campinas, o que mais teve arrecadação com o ISS dos pedágios foi Campinas, que recebeu R$ 12,2 milhões, seguido de Jundiaí (R$ 8,7 milhões) e Limeira (R$ 8,2 milhões).



______________________________
ARTESP - Assessoria de Imprensa
(11) 3465-2104 / 2105 / 2364
artespimprensa@artesp.sp.gov.br
www.artesp.sp.gov.br