Logo Artesp Rodovia

13/07/2017 - Artesp

A segunda etapa da ampliação do anel contempla trecho de quatro quilômetros entre as Rodovias dos Bandeirantes e a Miguel Melhado Campos

Mais uma etapa foi realizada para viabilizar a segundo trecho do Anel Viário de Campinas com a publicação do Decreto de Utilidade Pública (DUP), assinado pelo governador Geraldo Alckmin. O documento, publicado hoje no Diário Oficial do Estado, autoriza a desapropriação de uma área de 473.522,80 metros quadrados, em Campinas.

A segunda fase da ampliação do Anel Viário de Campinas contempla trecho de quatro quilômetros entre as Rodovias dos Bandeirantes (SP-348) e a Miguel Melhado Campos (SP-324), que facilitará o acesso ao Aeroporto de Viracopos, além de melhorar a mobilidade na região. A obra será realizada pela concessionária Rota das Bandeiras.

Ampliação do Anel Viário de Campinas. A ampliação do Anel Viário de Campinas contempla ainda um terceiro trecho que terá seis quilômetros e fará a ligação das Rodovias Miguel Melhado Campos (SP-324) e Santos Dumont (SP-75).

O primeiro trecho do Anel Viário foi entregue em dezembro de 2015. São 5,8 quilômetros de pistas com duas faixas por sentido entre o km 12 (entroncamento com a Anhanguera) e o km 18 (entroncamento com a Bandeirantes). Essa primeira etapa do prolongamento interligou as Rodovias Anhanguera (SP-330), Bandeirantes (SP-348) e D. Pedro I (SP-65), conectando, assim, as três mais importantes rodovias da região. A obra eliminou a necessidade de o usuário utilizar as vias municipais para se deslocar entre essas rodovias.

O prolongamento do Anel Viário de Campinas faz parte de um pacote de obras definido pelo Governo do Estado para ampliar a segurança e as condições de tráfego em toda a região. As obras são realizadas pela concessionária Rota das Bandeiras, sob fiscalização da ARTESP – Agência de Transporte do Estado de São Paulo.



______________________________
ARTESP - Assessoria de Imprensa
(11) 3465-2104 / 2105 / 2364
artespimprensa@artesp.sp.gov.br
www.artesp.sp.gov.br